Pílulas de RFID para medir a temperatura…

“Hasta ahora las pastillas más tecnológicas que yo conocía eran las de Neo, la roja o la azul” muito boa tirada do Oscar B, até que uma universidade holandesa desenvolveu um tecnologia que permite medir a temperatura interna corporal através da ingestão de Pílulas RFID.

“Los voluntarios ingieren estas tecno-pastillas que envían cada diez segundos la temperatura interna del cuerpo hasta el teléfono móvil mediante bluetooth. Esta información y las coordenadas GPS del corredor son mandadas de forma automática por el móvil hasta el centro de control, donde un programa toma en cuenta la altura, peso y edad del deportista para alertar a los equipos médicos en caso de que sea necesario. De esta manera se han podido detectar variaciones en la temperatura de incluso medio grado, alertar, por ejemplo, a un corredor con riesgo de deshidratación mediante una llamada o SMS, o enviar una ambulancia al lugar necesario antes de que fuese solicitada.”

Muito interessante! a nota do XataMóvil

Advertisements

Pagamentos com celular?

O “tutorial” abaixo publicado do portal Administradores é um bom começo para entender a diferença entre Mobile Payment e Mobile Banking e esclarecer algumas dúvidas a respeito do assunto.

1) O que é m-payment?

M-payment é a sigla para Mobile Payment (Pagamento Móvel) e engloba todo tipo de operação que envolva um dispositivo móvel para iniciar, ativar ou confirmar um pagamento. Os dispositivos móveis mais comuns são os telefones celulares, mas aqueles que já são usuários de smartphones e PDAs têm sido os primeiros a usar esse meio de pagamento.

2) Qual a diferença entre m-payment e m-banking?

M-banking é a sigla para Mobile Banking (Banco Móvel) e faz referência a possibilidade de realizar serviços bancários através de aparelhos móveis. A grande maioria dos serviços bancários disponíveis através do Internet Banking já está também disponível através do aparelho móvel.
Verificar saldos e extratos, efetuar transferências, comprar planos de seguro e capitalização, acompanhar rendimentos e diversas outras transações são previstas no m-banking.

Com um aplicativo de Mobile Banking é possível fazer transações bancárias via aparelho móvel. Com um aplicativo de Mobile Payment, o pagamento pode ser feito à vista (débito) ou a prazo (crédito) como se estivesse sendo usado o cartão de plástico.

3) Quando a tecnologia estará disponível no Brasil?

A tecnologia já está disponível no País. Os testes com m-payment foram iniciados de forma mais consistente em 2006 e continua-se buscando novos modelos de negócios e demanda. Atualmente, serviços como táxi, delivery e recarga de celulares pré-pagos são os empregos mais comuns para essa tecnologia. Para o m-banking a estimativa é de que 520 mil usuários já estejam fazendo uso dessa inovação.

Continue reading

Groups of Sharing purposes

via: @jlcoassin

Enquanto uns “deixam” o SMS outros fazem negócios

Ontem li esta nota falando do SMS: “The King, Heaven and Hell, all at the same time”. Rei para o usuário, céu para operadora e Hell para aqueles que querem contratar o serviço.

O autor explica a dificuldade de utilizar o SMS para um serviço nos EUA. Para se ter uma idéia de acordo com o post, só uma palavra chave e conexão com um agregador custaria mais de 36k por ano fora o custo de cada SMS e custos operacionais. Ou seja, um investimento razoável para se levar em consideração, principalmente se for uma startup.

Ele comenta ainda o caso do Twitter que matou o suporte ao SMS em UK:

So I’m not surprised to see Twitter cut costs, but what I’m surprised to see is that they decided to cut support for U.K. instead of introducing a revenue model and validate it; people will pay for useful services.

Concordo com o ponto que ele destacou. Pessoas pagariam para usufruir do SMS no entanto, a funcionalidade simplesmente deixou de existir para UK. O curioso é que enquanto uns “abandonam” o uso SMS (seja pelo preço ou outra razão) outros fazem negócios.

Coincidentemente ainda no dia de ontem, conheci esta startup que acaba de lançar a funcionalidade SMS para o twitter com cobrança por pacotes de mensagem, inclusive em UK.

Relativamente simples? Talvez. Esse mercado pode ser bem complicadinho às vezes.

Mission Future:Open Culture, Open Innovation, Sharing Economy

Mission Future é um evento pra discutir tendências para o Futuro que ocorrerá na Austria, e neste ano o foco será: Open Industry and Open Innovation. De acordo com o site:

On September 8, 2008, Mission Future will bring together visionaries, innovators and creative entrepreneurs from diverse disciplines to explore and drive the impact of the sharing-economy on society and business.

Themed “We’re open: How open minds and open industries are shaping the world” and focusing on open innovation and open economy, Mission Future 2008 stands central amongst the festivities of Ars Electronica, the world’s largest celebration of digital art and media.

Espero acompanhar os principais assuntos discutidos através do twitter, como ocorreu com o Brainstormtech. Vamos ver!

Via: lupeke

Leilão Reverso, com dias contados…

É impressionante a quantidade de leilões reversos (menor lance único) presentes na programação da TV aberta, principalmente no horário nobre do Domingo…

Interessante também observar sua evolução devido as suas pecularidades. O leilão foi um dos poucos serviços que nasceu fora da marca branca* da operadora. O primeiro foi feito por uma emissora de TV, a Band e de lá pra cá a modalidade de compra ganhou tanta forca que já faz parte do cotidiano da TV, inclusive com um alto investimento em mídia e vários apresentadores “educando” os usuários a mandar mensagens, explicando o processo de compra, etc… tudo para ajudar os sonhadores a dar seus lances.

Dá pra perceber que essa modalidade de serviço é uma máquina de dinheirinho e por isso há tantos tantos leilões em operação. Fiz uma lista e encontrei mais de 10 leilões:

    1. Lance Perfeito – http://www.lanceperfeito.com.br
    2. Super Leilão – http://www.osuperleilao.com.br
    3. Leilão SBT – http://www.leilaosbt.com.br
    4. Leilão Premium – http://www.esporteinterativo.com.br/programas/leilaopremium/regulamento.asp
    5. Leilão Claro – http://www.leilaoclaro.com.br
    6. Leilão Oi – http://www.superleilaooi.com.br
    7. Leilão Vivo – http://www.leilaovivo.com.br (fora do ar)
    8. Leilão TIM – nao encontrei o endereco… mas ja participei via SMS
    9. Leilão BRT -http://:brt.leilaoreverso.fbiz.com.br
    10. Lance Quiz – http://www.lancequiz.com.br
    11. Leilão Chutz – http://www.Chutz.com.br
    12. Clube do Lance – http://www.clubedolance.com.br

Em nosso país jogo de azar é proibido e há regras rígidas para distribuição gratuita de prêmios e apesar do leilão reverso não ser uma promoção e nem jogo de azar, há controvérsias.

Não é a toa que o Ministério Público esta de olho nisso. No último mês ele fez uma Recomendação as operadoras VIVO e TIM para que parassem com os leilões:

O MINISTÉRIO PÚBLICO FEDERAL, com o escopo de prevenir responsabilidades e visando à salvaguarda das previsões constitucionais e legais aqui levantadas vem
RECOMENDAR à empresa VIVO S/A, a imediata cessação do “VIVO Leilão Reverso” e de qualquer ato, prática ou envolvimento que permita a sua promoção, divulgação, operacionalização, comercialização ou proveito econômico
.”

Ou seja….. os leilões devem ser proibidos em breve.

*marca branca ou white label: são os chamados servicos ofertados no deck da operadora, com a marca da própria.

S.O.S Amazônia!

Em termos práticos, infelizmente não tenho muito que fazer além de postar a apresentacão:

Que impotência!